Uma vez que as pessoas iniciam um negócio online, elas podem ter dificuldades para mantê-lo e às vezes há muitas variáveis para controlar. Como resultado disso, elas tentam seguir as estratégias tradicionais usadas para gerenciar empresas físicas. No entanto, no mundo do e-commerce, você tem muito mais opções para explorar! Neste artigo, mostraremos as principais ferramentas (gratuitas e pagas) oferecidas pelo Google para ajudar você a levar sua empresa a um novo patamar.


Conteúdo

  1. Google Analytics
  2. Gerenciador de tags do Google
  3. G Suite
  4. Google Adwords
  5. Google Shopping
  6. Ferramentas do Google para webmasters

principal


Google Analytics

O acompanhamento é importante! Ele pode lhe ajudar a melhorar as vendas e, com o tempo, ajudar no crescimento da sua empresa. Se você tem uma loja física, você pode ver os consumidores entrarem, e tem a chance de analisar o comportamento deles. Com isso, você pode mudar a configuração de sua loja com base em um traço de comportamento que você notou em vários clientes. Esses detalhes e ajustes são tão importantes em um negócio online quanto no real.

Mas o problema é que, em um negócio online, você pode fazer melhor! E ter mais dados e informações para fundamentar suas decisões. O Google Analytics é uma plataforma popular quando se trata de análise de rastreamento de sites. Ele pode fornecer relatórios em tempo real, com uma infinidade de informações sobre seus clientes, de onde eles vêm e muito mais! Essas informações podem ser usadas para criar novas estratégias para aumentar o tráfego, aumentar as conversões, encontrar novos clientes e aumentar as vendas.

Por que o Google Analytics

Ele é GRÁTIS e fácil de instalar. Usado por sites pequenos e grandes, incluindo os sites das 500 maiores empresas segundo a publicação Fortune 500! Ele funciona para sites e aplicativos móveis. Ainda, pode dar uma visão da mente do consumidor e como ele se comporta. Você pode visualizar os dados e ver exatamente onde estão suas prioridades, onde você deve gastar mais dinheiro e quem deve ser seu público-alvo. Usando o Google Analytics, você pode refinar sua estratégia de negócios e melhorar a criação de leads com seus clientes-alvo, facilitando as vendas. Ele também lhe dá a chance de fazer um benchmarking do setor, para ver como você está indo em comparação com outras empresas do setor.

Como usar o Google Analytics

Quando você cria uma loja online com o Jumpseller, sua loja é configurada com nosso rastreamento. No entanto, se você quiser adicionar o rastreamento pelo Google Analytics, terá que fazer isso manualmente adicionando seu ID de rastreamento.

  1. Vamos começar do começo: primeiro, você precisa ter uma conta no Google. Tenha uma conta separada para o seu negócio Recomendado!.

  2. Depois de criar uma conta, vá até a Página do Google Analytics, onde você pode Fazer login (ou criar uma conta para sua empresa).

  3. Você pode configurar o Google Analytics para um website e um aplicativo para dispositivos móveis. Para isso, vamos nos concentrar no site. Depois de entrar, basta preencher os campos.

    analytics1

  4. Então você precisa encontrar seu ID de acompanhamento. Entre no seu painel do Google Analytics e clique em Admin e depois em Informações de rastreamento. Copie o ID de acompanhamento.

    analyticsdashboard2

  5. Vá para o painel de administração e, na barra lateral, vá para Configurações > Geral. Se você rolar um pouco para baixo, você se deparará com o seguinte:

    jsbar3

  6. Em seguida, cole o ID de rastreamento e Salve.

  7. Para ver os dados de ecommerce nos seus relatórios do Google Analytics, você também precisa Ativar o E-commerce para cada visualização em que deseja ver os dados. Para isso, clique em Admin e navegue até Ver configurações logo abaixo de Exibir.

    etracking1

  8. Em seguida, clique em Configurações de ecommerce e marque Ativar ecommerce como ON. Opcional: marque as configurações avançadas de ecommerce como ON

    etracking2

  9. Clique em Próxima etapa e depois Enviar. Agora você tem o Rastreamento do Google Analytics em toda a sua loja.


Passando pelo básico

sidebaranalytics


TELA INICIAL

  • Faça o login e veja o painel (TELA INICIAL), obtenha uma imagem geral dos Usuários nos últimos dias, verifique o gráfico de receitas. Além disso, você também pode ver a taxa de conversão e o total de sessões.

  • Ele permite até ver a que horas do dia você tem mais tráfego e o número de usuários ativos.

CUSTOMIZAÇÃO

  • Se você for para a seção CUSTOMIZAÇÃO, poderá criar um novo painel com leituras personalizadas para propriedades específicas que você possui.

  • Isso pode realmente ajudar você a organizar todos os dados disponíveis no Google Analytics e resumi-los em um só lugar, para que você possa abordá-los facilmente durante uma reunião ou uma apresentação. Crie estes relatórios personalizados e salve-os.

TEMPO REAL

  • Então você tem a seção TEMPO REAL, que é basicamente o que o nome indica, uma visão em tempo real do seu site, o número de usuários ativos, de onde eles vêm (Principais locais) e quais páginas eles estão visualizando.

  • Ele informa as visualizações de página por minuto e por segundo e você pode ver as principais páginas ativas. Se você configurou palavras-chave, você também pode ver as Mais usadas, dessa forma você sabe quais pesquisas priorizar.

  • Verifique se uma determinada promoção está realmente direcionando tráfego para o seu site, analise os efeitos imediatos de uma postagem no blog/e-mail/mídia social sobre o tráfego.

PÚBLICO

  • A seção PÚBLICO fornece dados detalhados e estatísticas sobre o seu Tráfego. Você pode ver os números de usuário no dia a dia, visualizando-os de acordo com um determinado país.

  • Você tem a proporção de visitantes recorrentes em comparação com os novos visitantes. Compare os dados com os períodos anteriores, use métricas diferentes para calcular os números e você pode até mesmo observar o valor da vida útil do cliente, que pode informar quanto você ganha com um único cliente.

  • Você pode visualizar as informações demográficas do tráfego, como idade e sexo, para descobrir para quem seu conteúdo, ou seja. o seu produto, é atraente e criar uma estratégia de marketing para segmentá-lo especificamente.

  • Veja o que eles mais valorizam e modele seus canais de acordo com essa oferta de valor.

AQUISIÇÃO

  • A seção AQUISIÇÃO informa por quais canais você está adquirindo clientes. Se a maioria de seus clientes está chegando de pesquisas orgânicas, provenientes de publicidade paga, plataforma de mídia social ou outras fontes.

  • Clique em cada canal e veja as subcategorias, por exemplo você pode entrar em social, e você verá uma lista de toda sua plataforma social como Facebook, Twitter, Reddit e Quora etc, você pode visualizá-los um por um ou coletivamente para analisar se você está recebendo o tráfego suficiente deles ou se há espaço para melhorar.

  • Defina metas: uma meta não precisa ser de compr; claro, essa é a meta final, mas você pode configurar metas menores que levem a uma meta maior. Por exemplo, você pode definir a Meta 1 como pessoas se inscrevendo em seu boletim informativo ou registrando-se em sua loja e, em seguida, a Meta 2 pode ser fazer uma venda.

  • Veja a origem de onde os usuários estão vindo, por exemplo, o navegador (Bing, Google, Yahoo, etc.). Verifique se você está recebendo indicações, talvez você possa gastar algum tempo nas plataformas de indicação para obter mais vendas.

  • Então você tem a seção do Google AdWords, onde você pode visualizar o desempenho de uma campanha de anúncios pagos que você possa ter organizado. É claro que você pode verificá-las no console do Google AdWords também.

COMPORTAMENTO

  • Na seção COMPORTAMENTO, você fica sabendo o que os usuários do seu site estão fazendo. É uma boa maneira de avaliar seu trabalho, já que você pode ver quais áreas do seu site você precisa melhorar e em quais você está indo bem.

  • É aqui que você trabalha para aprimorar a experiência do usuário. Você precisa estar totalmente ciente de qual conteúdo está atraindo os usuários e como isso pode ser melhorado.

  • Analise quais páginas não estão recebendo visitas em seu site. Você pode ver itens como Tempo médio gasto em uma determinada página, ou a Taxa de rejeição, que é o número de pessoas que saem da página em segundos. Corrija esses problemas e, com essas melhorias, você poderá ver em breve a diferença no desempenho de seu site.

  • A seção experimental é uma maneira interessante de realizar testes A/B: se você quiser alterar o tema da sua loja, poderá testá-la com o tema atual para ver qual deles oferece melhores resultados.

CONVERSÕES

  • Na seção CONVERSÕES, você descobre mais sobre suas vendas e sim, você adivinhou, sobre “conversões”! Saiba mais sobre os produtos que seus visitantes estão comprando e a receita gerada por eles. Você pode até ver os detalhes de cada transação; Imposto, frete e o número de dias necessários para concluir a transação e efetuar a compra.

  • Você descobre quais dos seus produtos geram mais negócios e maior lucro, e então você pode concentrar seus esforços de marketing de acordo.

  • Você pode decidir se é melhor oferecer descontos especiais ou limitar a uma quantidade mínima para determinados produtos para cobrir às taxas de impostos ou custos de envio.

Estes foram os conceitos básicos do Google Analytics, se você quiser saber mais sobre ele, você pode ver alguns cursos online gratuitos.


Gerenciador de tags do Google

O Gerenciador de tags do Google é uma solução criada para gerenciar tags de uma maneira fácil para o usuário. As tags significam imagens personalizadas e HTML, bem como snippets de Javascript de vários serviços. Elas podem ser usadas para seu website e/ou aplicativo para dispositivos móveis. Não é necessário chamar os desenvolvedores nem atualizar diretamente o código no seu site. Você pode usar essa solução para gerenciar todas as tags de seu site, desde o acompanhamento de conversões até a análise de sites e muito mais.

Além disso, o Gerenciador de tags do Google funciona muito bem com o Google Analytics e você pode usar recursos como o rastreamento de conversões e o remarketing do Google AdWords e o DoubleClick Floodlight.

Como usar o Gerenciador de tags do Google com o Jumpseller

Com o aplicativo Jumpseller do Gerenciador de tags do Google, você pode integrar facilmente sua loja Jumpseller ao próprio Gerenciador de tags do Google. Isso reduz erros e evita que você precise envolver um desenvolvedor sempre que precisar fazer alterações.

gerenciador de tags

Para saber como usar o Gerenciador de tags do Google com sua loja de produtos Jumpseller, siga as etapas deste guia: Como configurar o Gerenciador de tags do Google.


G Suite

Ter um e-mail corporativo dá uma aparência mais profissional e são esses pequenos detalhes que às vezes ajudam a fechar um negócio e deixam uma impressão duradoura em uma pessoa. O G Suite é uma plataforma para hospedagem de e-mails personalizados para sua empresa, com um console de administração centralizado. O G Suite tem muitas vantagens, além de melhorar sua experiência nas já conhecidas ferramentas gratuitas do Google, como o Gmail, ajudar você a se conectar e gerenciar seus funcionários dentro da empresa, armazenar arquivos usando o Google Drive e várias pessoas podem trabalhar juntas para atingir seus objetivos.

GS-ETAPA-3

A desvantagem deste serviço é que ele é pago, portanto, depois de se inscrever, você terá que pagar para obter o e-mail corporativo personalizado e o restante das suas vantagens. No entanto, é facilmente a plataforma mais simples de configurar e a melhor solução para evitar problemas com filtros de spam nos seus emails iniciais. Olhando para os benefícios, diríamos que é um produto indispensável para um negócio em crescimento.

Como usar o G Suite

Com uma loja Jumpseller, você tem algumas opções para criar um e-mail corporativo, e o G Suite é uma delas. A configuração do G Suite com sua loja é feita através de uma série de etapas que são melhor explicadas neste guia: Configurando o G Suite.


Google AdWords

Talvez a ferramenta mais popular do Google para empresas online, grandes e pequenas, seja o Google Adwords. Mesmo sendo uma forma de publicidade paga, ela é usada por empresas grandes e pequenas. O AdWords é uma ferramenta de publicidade online que ajuda as empresas a se conectarem com seus clientes. Você cria seu anúncio online, informa ao Google AdWords quem deseja alcançar e o Google AdWords exibe seus anúncios para eles. Com o Google Adwords você tem muitas possibilidades:

  1. Você pode alcançar clientes enquanto eles estão fazendo pesquisas relevantes no Google.

  2. Você pode alcançar usuários no YouTube e muitos outros sites na Internet.

  3. Você pode exibir seu anúncio em milhões de sites na Internet, incluindo os sites que aparecem primeiro nas pesquisas.

O Google AdWords tem um sistema de segmentação sofisticado que ajuda você a exibir seus anúncios para as pessoas certas, no lugar certo e no momento certo. Use palavras-chave, localização, informações demográficas e muito mais para segmentar suas campanhas. O Google AdWords oferece controle total sobre seu orçamento. Você escolhe quanto gasta por mês, por dia e por anúncio. Não há mínimo. O Google AdWords mostra quantas pessoas visualizam seus anúncios, que porcentagem deles clicam para visitar seu website e até mesmo quantos cliques para ligar para você. Com essas ferramentas de rastreamento, você pode até ver as vendas reais que seu website gera como resultado direto de seus anúncios. Se você quiser alterar sua estratégia, poderá ajustar seus anúncios, experimentar novas palavras-chave ou pausar sua campanha e reiniciá-la sempre que desejar.

Como usar o Google Adwords

  1. A primeira coisa que você precisa para inscrever-se para o Google Adwords e para fazer isso, você precisa ter (criar) uma conta para o seu negócio. Digite seu e-mail comercial e o endereço do seu site. Você tem a opção de solicitar dicas e recomendações personalizadas do Google para melhorar o desempenho do anúncio.

    adwords1

  2. Em seguida, sua conta será criada no Google Adwords depois que você inserir os dados em todos os campos.

    adwords2

  3. Agora, comece a configurar sua primeira campanha do Google AdWords. A primeira coisa que você faz é inserir um orçamento e você o cálculo será feito com base no valor informado. Você saberá o alcance potencial diário dos anúncios.

    adwords3

  4. Em seguida, você precisa definir a localização, as redes e o mais importante, as palavras-chave. Verifique se suas palavras-chave correspondem aos termos que seus clientes em potencial usariam para encontrar seus produtos/serviços. Você pode usar palavras-chave genéricas se quiser alcançar mais pessoas ou usar palavras-chave específicas para almejar pessoas específicas. Para saber mais sobre palavras-chave, leia este Guia: Guia básico sobre palavras-chave

    adwords4

  5. A etapa final para concluir o processo é inserir os detalhes do pagamento. aqui, você também pode ver o anúncio que você criou e que será exibido durante sua campanha.

    adwords5

Para mais informações sobre o Google Adwords, visite: https://support.google.com/adwords/answer/6366720?hl=en&ref_topic=6375057


Google Shopping

Google Shopping é um serviço do Google que permite aos usuários procurar produtos em sites de compras online e comparar preços entre diferentes fornecedores. Se você for um varejista, poderá usar as campanhas do Google Shopping para promover seu inventário local e online, aumentar o tráfego para seu site ou para sua loja local e encontrar leads com melhor qualificação.

google-shopping

Os benefícios do Google Shopping incluem:

  • Conectar sua loja com o Google Merchant Center facilmente.

  • Sincronizar automaticamente todos os seus produtos ou quantas categorias você desejar com o Google Merchant Center.

  • Você pode alcançar usuários no YouTube e muitos outros sites na Internet.

Os anúncios do Shopping usam os dados de produto do Google Merchant Center (e não as palavras-chave) para decidir como e onde exibir seus anúncios. Os dados de produtos que você envia pelo Merchant Center contêm detalhes sobre os produtos que você vende. O Google usará esses detalhes quando corresponder a pesquisa de um usuário aos seus anúncios, mostrando os produtos mais relevantes. Você gerencia seus anúncios do Shopping no Google AdWords usando as campanhas do Shopping, uma maneira simples e flexível de organizar e promover seu inventário de produtos do Google Merchant Center no Google AdWords.

Você pode anunciar sua loja e seus produtos usando dois tipos de anúncio do Shopping:

  1. Anúncios de produto: Eles são criados com base nos dados do produto que você envia ao Merchant Center.

  2. Anúncios de exposição: Crie-os no Google AdWords agrupando produtos relacionados. Dessa forma, as pessoas podem comparar vários dos seus produtos e clicar no produto certo.

Como usar o Google Shopping

As lojas Jumpseller vêm com um aplicativo integrado do Google Shopping. Saiba mais sobre Como configurar o aplicativo do Google Shopping.


Ferramentas do Google para webmasters

Com as Ferramentas do Google para webmasters, você tem acesso ao incrível Google Search Console, um serviço gratuito oferecido pelo Google que ajuda você a monitorar e manter a presença do seu site nos resultados da Pesquisa Google e indexar seu site com mais rapidez e precisão.

  1. Para começar, acesse as Ferramentas do Google para webmasters e Faça login com sua conta.


    gsc1

  2. Na Página inicial do Search Console, clique no botão ADICIONAR UMA PROPRIEDADE e digite o URL do site ou parte do site para o qual você quer dados. Especifique a URL exatamente como aparece na barra do navegador, incluindo a marca final "/".


    gsc2

    Nota: Se o seu site suportar vários protocolos (http: // e https: //), você deverá adicionar cada um como um site separado. Da mesma forma, se você oferecer suporte a vários domínios (por exemplo, examplo.com, m.examplo.com e www.examplo.com), você também deverá adicionar cada um como um site separado.

  3. Digite a URL exata do domínio, subdomínio ou ramificação de caminho para o qual você deseja obter dados. É recomendável criar uma propriedade separada do Search Console para cada domínio ou pasta que você deseja acompanhar separadamente, bem como o domínio de nível mais baixo que você possui.

Verifique um domínio com as Ferramentas do Google para webmasters

Depois de adicionar uma propriedade ao Google Search Console, a próxima etapa é verificar essa propriedade para provar que você é o proprietário do site. Com Jumpseller, todos os serviços do Google que exigem verificação de domínio podem ser verificados pelos seguintes métodos:

  1. Meta tag
  2. Registro TXT
  3. Registro CNAME
  4. Google Analytics
  5. Gerenciador de tags do Google

Para saber mais sobre esses métodos e como usá-los para verificar um domínio, consulte o guia Verificar um domínio para os serviços do Google.


Conclusão

Criar uma loja online não é difícil, a parte difícil é gerenciá-la com sucesso, expandir para novos mercados e aumentar os lucros. Se você criar uma loja com Jumpseller e usar estrategicamente essas ferramentas fornecidas pelo Google, poderá facilitar suas tarefas e você estará melhor posicionado para o crescimento futuro. Lembre-se "Detalhes criam uma visão mais geral!".