Aprender

Comece o Seu Negócio de Revendedor

Como acontece com qualquer novo negócio, é necessário muito trabalho para que ele comece, antes de saber se vai ser um sucesso. Estudos recentes mostram que a taxa de crescimento de venda de produtos em segunda mão online está a aumentar muito mais rápido do que a de novos produtos. Com o boom do setor de revenda, parece ser o momento nobre para criar o seu próprio negócio de revenda.

Revenda

Ao começar, é útil traçar um plano de negócios para permanecer no caminho certo, com uma visão clara de como tornar o seu negócio num sucesso. A realização de pesquisas de mercado irá dar-lhe uma visão e clareza para determinar aspetos específicos do seu negócio, tais como decidir quais os produtos a vender e onde os vai encontrar.

A pesquisa irá ajudar a prever a margem de lucro e a lucratividade dos produtos que deseja vender. Também vai precisar considerar como e onde armazenar o stock e criar um sistema para manter o controlo do que foi vendido e do que não foi.

Em seguida, deve pensar em encontrar a plataforma certa para atender às suas necessidades. Com muitas opções, a maioria das plataformas de revenda é especializada na venda de certo tipo de produtos, então, naturalmente ao utilizar uma que esteja de acordo com o produto pretendido irá ajudar a atingir o seu público-alvo.

As plataformas de revenda de ecommerce geralmente oferecem uma conta empresarial aos vendedores, o que ajudará a configurar o seu perfil, a listar os seus produtos e a processar as vendas. Nesta fase, vale a pena verificar se há alguma taxa de listagem de produtos ou se há um limite de quantas listagens pode ter no site.

Para poder processar os seus pedidos, vai ter que decidir o sistema de pagamento e também deve considerar as taxas de transação. Aprender sobre os custos de envio locais e internacionais, incluindo embalagem, será igualmente importante saber quando se trata de colocar um preço nos seus produtos. Também é útil configurar um sistema de contas e controlar todas as receitas e despesas, bem como quaisquer receitas e impostos sobre vendas.

Vamos ver algumas práticas recomendadas e conselhos de revendedores de sucesso para ver como essas etapas contribuíram para o seu sucesso.


Estudo de Caso #1

Justin, vende cerca de $5300 em itens no eBay por mês

  1. Ele começou por comprar uma motocicleta usada, desmontando-a e revendendo as peças. Utilizou o dinheiro obtido com as primeiras vendas, e gradualmente aumentou os seus ganhos e stock cada mês, atingindo cerca de $39.000 em stock online.
  2. Justin aprendeu que a negociação e o regateio respeitoso eram cruciais para conseguir um bom negócio nas suas compras para obter um bom e suficiente lucro nas suas vendas, ao mesmo tempo que mantinha um bom relacionamento com os seus fornecedores.
  3. Ele utilizou sistemas de assistência como Etiquetas do eBay e o Programa de Envio Global para tornar o processo de envio mais fácil e menos trabalhoso.
  4. Ao interagir com os clientes, ele é direto nas suas listagens e facilita o processo de devolução de itens caso não atendam às expectativas.

Estudo de Caso #2

Marvin, ganhou $10.000 a revender na Amazon em 4 meses

  1. Ele começou por escolher o seu nicho de produto no setor alimentar, inicialmente gastou $500 em stock.
  2. Com formação em finanças, ele rapidamente chegou à conclusão de se focar na venda de itens mais baratos com ROI de cerca de 20% e apenas $2,00 de lucro. As margens mais baixas significavam que ele era capaz de ter uma rotatividade maior, o que aumentou o seu rendimento rapidamente.
  3. Com o tempo, ele construiu um bom relacionamento com os seus fornecedores, tanto que muitas vezes eles ofereciam-lhe acordos para limpar as suas prateleiras mais rapidamente.
  4. Para acompanhar tudo, Marvin construiu uma folha de cálculo do stock, que lhe permitiu ter uma visão geral do lucro de cada item a cada mês.

Estudo de Caso #3

Oliver, teve um lucro de £70.000 em 2017 a revender no Depop

  1. Após realizar uma pesquisa de mercado, ele descobriu que poderia vender uma peça de roupa no Depop pelo dobro do preço que pagou por ela.
  2. Ao adquirir itens autênticos, exclusivos e de edição limitada com alta demanda, ele descobriu que os compradores estavam dispostos a gastar mais e ele conseguiu aumentar os preços.
  3. Usar a iluminação do estúdio permite que o Oliver tire fotos de alta qualidade, o que ele sabe ser de extrema importância ao criar listas e marketing nas redes sociais.
  4. O Oliver desenvolveu o seu negócio de revenda e agora vende produtos de designer usados ​​e streetwear na sua própria plataforma de ecommerce.

Principais Vantagens

Como podemos ver ao observar esses exemplos de proprietários de sucesso de empresas revendedoras, através de uma pesquisa de mercado e planificação meticulosa, eles foram capazes de expandir os seus negócios.

Recapitulação final: o que fazer e o que não fazer

Não Fazer Fazer
Não se lance de cabeça! Faça uma pesquisa de mercado para saber mais sobre o cenário e a concorrência, para determinar qual produto vender e de onde o vai comprar.
Não espere ver resultados sem colocar um plano detalhado em prática. Faça um plano de negócios e obtenha uma licença empresarial de revendedor.
Não pense que tem que fazer isso sozinho. Crie uma conta empresarial numa plataforma que ofereça apoio com revenda.
Não esconda informações sobre a origem e condição do produto. Inclua uma descrição do produto detalhada e honesta nas suas listas de produtos.
Não use fotos de banco de imagens ou fotos pequenas de baixa resolução que são difíceis de ver. Adicione fotos reais de qualidade de todos os ângulos do produto, pois isso ajudará a consolidar as expectativas dos compradores.
Não cobre muito por publicar. Também não cobre pouco, caso contrário, isso prejudicará os seus lucros. Certifique-se de embalar os itens corretamente para que nada seja danificado.
Não ignore a comunicação com os seus clientes, ou a importância de comentários de clientes. Configure um sistema de apoio ao cliente para responder às perguntas dos compradores e esteja sempre ativo, justo e responsivo.
Não espere que o cliente vá à sua procura. Crie um plano de marketing para atingir o seu público-alvo.