Muitos pensam que a criação de um negócio não é tão difícil. Construa-o e os clientes virão, alguns dizem. A realidade é completamente diferente. Quando você cria a sua visão e a transforma em um negócio, os clientes nunca virão se eles não sabem sobre sua proposta de valor e o que o diferencia do resto. Muitos empreendimentos falham não porque a ideia é ruim ou devido à falta dos recursos necessários para criar o negócio, a maioria não consegue continuar com suas empresas porque eles não têm a quantidade adequada de clientes para sobreviver aos primeiros meses ou anos de operação.

Comunicar

Normalmente, a resposta para este problema seria criar uma campanha de marketing que poderia atingir a maior quantidade de clientes possível: rádio, jornais, TV, etc. Mensagens amplamente propagadas são criadas na esperança de que alguém vai estar interessado no que você oferece. Normalmente essa abordagem é popular, mas ela pode ser cara e ineficaz.

Neste artigo, falaremos sobre outra maneira de criar clientes em potencial, uma maneira para que eles se sintam atraídos por sua loja ou produto sem você forçar a fazê-lo. Como é chamada esta nova forma de fazer marketing? A resposta é Inbound Marketing.

O que é Inbound Marketing?

Esta estratégia enfoca em permitir que seus clientes o encontrem e cheguem em sua loja on-line com base na geração de conteúdo. Isto é o oposto do operador irritante de telemarketing tentando vender alguma coisa quando você menos precisa e no pior momento possível. O Inbound Marketing tenta fornecer informações úteis e interessantes ao invés de tentar roubar a atenção. Isso é deixado claro com alguns exemplos:

  • Blogs e artigos
  • Vídeos de demonstração
  • Webinars
  • Podcasts
  • Infográficos

Vamos falar sobre o arquiinimigo: O que é Outbound Marketing

Aqui estão alguns exemplos que irão mostrar-lhe a abordagem tradicional de atrair clientes:

  • Jornais
  • Comerciais de TV ou rádio
  • Televendas
  • Marketing por E-mail
  • Eventos

Nos últimos anos há ocorrido uma diminuição da eficácia do Outbound Marketing e uma queda ainda mais pronunciada quando se fala de campanhas relacionadas com comércio eletrônico. Uma das principais razões para esta mudança de eficácia é devido à baixa tolerância do consumidor moderno a ser interrompido ou receber um excesso de publicidade irrelevante. De acordo com um estudo realizado por HubSpot em 2016, 84% dos consumidores entre as idades de 25 e 34 parou de visitar suas lojas on-line favoritas porque eles foram forçados a ver publicidade que era irrelevante para eles.

Inbound marketing para o resgate

O Inbound Marketing é uma forma eficaz de atrair potenciais clientes para sua loja on-line e estar em contato até que os clientes retornem. Para uma loja on-line, o uso de técnicas de Inbound Marketing iniciam com conteúdo bom e otimizado para mecanismos de busca, que atrai as pessoas a o compartilhar e visitar sua loja on-line. Aqui estão alguns dos grandes benefícios do Inbound Marketing que qualquer loja on-line pode aproveitar:

Adquirir clientes informados que estão dispostos a comprar

Talvez montar um outdoor enorme na estrada seria uma boa maneira de atrair clientes para sua loja virtual? Má ideia. Não só por causa do alto custo, mas também porque você irá atrair um tipo de cliente que não é o ideal para sua loja. Em geral, campanhas de Outbound Marketing atraem apenas um pequeno número de potenciais clientes para sua loja. A maioria deles vai chegar sem estar realmente interessado no que você tem para oferecer. Eles estão apenas chegando lá porque eles ficaram interessados em um outdoor de estrada. Com o comércio eletrônico, o ideal é que a maioria dos visitantes de sua loja sejam clientes com a intenção de compra, as pessoas que valorizam o que você está oferecendo. O Inbound Marketing oferece esta opção. Através da criação de conteúdo relevante e de qualidade que irá melhorar a vida diária de seus clientes, eles irão se reunir em um grupo cada vez maior de seguidores e clientes fiéis.

Poupar dinheiro

As formas tradicionais de fazer marketing são extremamente caras. Você já tentou colocar um anúncio no jornal? Certamente não está ao alcance de todos. O mesmo vale para anúncios de rádio ou de TV. Para as técnicas de Inbound Marketing, os custos são consideravelmente mais baixos. Em média, as campanhas de Inbound Marketing podem custar até 61% menos do que as campanhas tradicionais. Se você está apenas começando seu negócio, não pensa no dinheiro como uma barreira quando atrair clientes. Com o marketing tradicional, o dinheiro é claramente um fator limitante já que você nunca será capaz de pagar por esse tipo de campanha. Pelo contrário, se você buscar uma mentalidade mais 'simples' e se concentrar na criação de um blog e gerar conteúdo relevante, por exemplo, os clientes virão constantemente a um custo muito mais baixo de aquisição.

Gerar conteúdo orgânico não remunerado

O Google e outros mecnismos de busca vão ser seus melhores amigos se você começar a gerar conteúdo moderno e eficaz. Quando você publica conteúdo que é otimizado para mecanismos de busca, seu ranking aumentará rapidamente e você aparecerá entre os primeiros resultados de uma pesquisa. Estudos mostram que a segunda página do Google recebe apenas 0,85% do tráfego. Além disso, 61% dos consumidores usam os mecanismos de busca para ler sobre uma variedade de produtos antes de comprar, para comparar os preços e ver comentários de outros clientes.

Escolha um nicho onde você tem a oportunidade de gerar artigos constantes de alta qualidade e onde você não tem muita concorrência. Mesmo sem perceber, você verá como logo estará nas primeiras posições dos resultados dos mecanismos de pesquisa. Clientes com a intenção de comprar começarão a chegar.

Aqui está um resumo do que é Inbound Marketing?:

  1. Esta estratégia enfoca em permitir que seus clientes o encontrem e cheguem em sua loja on-line com base na geração de conteúdo exclusivo.
  2. Algumas ferramentas para o Inbound Marketing são: SEO, Blogs, Webinars, Podcasts e infográficos, etc.
  3. O Inbound Marketing permite que você adquira clientes informados que estão dispostos a comprar.
  4. É relativamente barato.
  5. Pode usar conteúdo orgânico não remunerado.