O comércio online é uma das indústrias com maior crescimento no mundo. Nos EUA, onde o comércio online este bem estabelecido desde o início dos anos 2000, a indústria continua a crescer a uma taxa de 16% por ano, enquanto o comértcio tradicional se arrasta a 3.8% de crescimento anual. A América latina é várias vezes considerada a líder mundial no comértcio online, onde está a crescer acima de 19% por ano. Só na Argentina e no Chile o comértcio online está a crescer a 30% por ano.

Todas estas compras online significam muitas mais encomendas. Enquanto um produto de retalho é manuseado cinco vezes antes de ser comprado, a maioria dos produtos comprados online manuseados até 20 vezes antes de chegar às mãos do cliente.

Para proteger estes produtos, os comerciantes de lojas online recorrem ao empilhamento de embalagens - pense em plástico de bolhas, poliestireno e caixas de cartão maciças - a maioria dos quais irá diretamente para um aterro sanitário. Nos EUA, mais de 165 mil milhões de encomendas são enviadas por ano, necessitando de quase 1 mil milhão de árvores para fazer o cartão.

À medida que os consumidores se tornam mais conscientes do seu impacto ambiental, as empresas de comércio online têm de se chegar à frente para começarem a tornar as suas embalagens o mais amigas do ambiente possível. Melhorar as embalagens não só diminui a pegada de carbono de uma empresa, mas também pode ajudar uma marca a destacar-se perante todos os clientes e pode até reduzir os custos de logística.

cause


Conteúdos

  1. O que é uma embalagem ecológica?
  2. 5 alternativas de embalagens ecologicamente corretas
  3. Onde comprar embalagens ecológicas
  4. Como as pequenas e grandes empresas podem utilizar embalagens ecológicas
  5. 3 empresas famosas que utilizam embalagens ecologicamente corretas

O que é uma embalagem ecológica?

Já recebeu uma embalagem apenas para verificar que 90% dela é ar? Muitos comerciantes online são culpados de “overpackaging” (utilizar uma embalagem maior do que é necessário) para proteger um produto pequeno. Embalagens ecológicas, ou embalagens verdes, são uma forma de acabar com métodos de envio tradicionais e altamente descartáveis. Pois, quase metade do plástico produzido em todo o mundo só será utilizado uma vez antes de ser descartado.

data

Piores Consumidores de Plástico

Fonte: Há uma quantidade terrível de plástico no oceano.

Em vez de utilizar plásticos de uso único não biodegradáveis ​​e grandes caixas de cartão, as embalagens ecologicamente corretas concentram-se na redução de resíduos e na priorização de materiais reutilizáveis ​​ou recicláveis ​​com menos toxinas. Há muitas opções diferentes para embalagens ecológicas, o que significa que empresas de todos os tamanhos e indústrias podem utilizar embalagens verdes e manter a marca.


5 alternativas de embalagem ecologicamente corretas

As embalagens verdes não precisam de ser iguais às de cartão, castanhas, aborrecidas e não precisa de ser mais caro que os métodos tradicionais. Para muitas empresas, a embalagem é uma maneira de expressar sua marca, então, também pode ser criativo com embalagens ecológicas! Muitos dos novos materiais imitam os plásticos e outros produtos de embalagem comuns, mas as empresas também podem pensar fora da caixa (literalmente) para criar embalagens reutilizáveis ​​que agregam valor aos consumidores.

Aqui estão algumas opções para empresas que desejam atualizar para embalagens ecológicas.

  1. Pacote de amido à base de amendoins.

    Os pacotes de amendoins tradicionais são feitos de polistireno, o que pode levar até 500 anos para se decompor. Os Pacotes de amido à base de amendoins têm o mesmo poder de proteção que a versão convencional de polistireno, contudo podem ser dissolvidos em água em minutos, reduzindo o seu impacto ambiental. Os Pacotes de amido à base de amendoins são feitos de resíduos agrícolas, em comparação com o poliestireno, que é feito de petróleo. Estes molhos de espuma podem ser uma opção fantástica para o envio de mercadorias frágeis que precisam de bastante proteção.

  2. Plástico biodegradável.

    Os Plásticos são famosos por permanecerem. Até 2025, haverá uma tonelada de plástico no oceano por cada três toneladas de peixe. Os plásticos biodegradáveis ​​podem degradar-se ao sol e muitas vezes são feitos de subprodutos de plantas, em vez de petróleo. Apesar de poder não ser tão rentável ou duradouro como o plástico normal, o plástico biodegradável pode reduzir significativamente o desperdício criado pela sua embalagem.

  3. Tecidos naturais.

    Se o item que enviar não for frágil, talvez não necessite de muita proteção além da embalagem original. Afinal, a maioria dos produtos acabam por ser embalados com pacotes duplos ou triplos até chegarem ao consumidor. Para evitar isso, tente embrulhar produtos em tecidos de algodão ou de serrapilheira que possam proteger a embalagem original de impactos e arranhões. Quando comprada avulso, esta opção de pacote pode ser ainda mais económica do que as caixas e produz menos toxinas durante a produção.

  4. Envelopes de papel ou reutilizáveis.

    Papel e cartão, materiais de embalamento comuns, já são recicláveis. No entanto, os fornecedores normalmente criam caixas que são grandes demais para o produto, desperdiçando bastante material e espaço. Não só é material desperdiçado, como também aumenta os custos para o negócio. Para evitar tal problema crie embalagens mais finas e pequenas - como um envelope - que se adaptam mais ao produto, pode reduzir os custos de envio e o desperdício de cartão. Melhor ainda, utilize um envelope reutilizável que os clientes possam enviar de volta após receberem o produto.

  5. Embalagem criativa e reutilizável.

    Em vez de utilizar materiais que são para deitar fora, invente uma nova utilização para a sua embalagem. Uma caixa impressa com instruções de corte para se tornar muma casa de bonecas ou uma nova caixa para gatos. Um recipiente de boa duração que pode ser dobrado e enviado de volta ao comerciante para reutilização. Um saco de serrapilheira que se pode tornar num novo saco de compras reutilizável. Com a mentalidade certa, existem milhares de opções para as empresas de comércio online que querem mudar o visual com um estilo mais ecológico.


Onde comprar a sua embalagem amiga do ambiente

Os materiais de embalagem sustentáveis ​​podem ser um pouco mais difíceis de encontrar do que os invólucros normais de plástico e cartão. Provavelmente precisará de fazer alguma pesquisa para encontrar um fornecedor que possa desenhar e construir materiais de embalagens criativas que não danifiquem o ambiente.

Nos EUA, várias startups surgiram para enfrentar o desafio. A Limeloop é uma startup de embalagens verdes que cria embalagens resistentes e reutilizáveis ​​a partir de painéis de vinil e algodão orgânico. Os pacotes também são ligados a sensores que monitorizam suas remessas e podem enviar atualizações para o seu smartphone sobre o impacto ambiental do pacote. O pacote pode ser reutilizado por até dez anos e é incrivelmente simples de utilizar; as empresas simplesmente alugam ou compram o “remetente” para enviar um produto e o cliente devolve o pacote assim que recebe o produto.

O representante europeu da Limeloop, a Repack, utiliza envelopes amarelos resistentes que também podem ser reenviados à empresa para serem reutilizados, reduzindo até 80% dos resíduos. Esta opção é neutra em termos de custo para o negócio online, pois é uma escolha feita pelo cliente no momento do checkout, e a startup paga o custo de devolução do pacote ao remetente.

Outras empresas concentram-se na melhoria dos materiais que fazem parte das embalagens tradicionais, criando substitutos inovadores para o polistireno, plástico e cartão. A petroquímica brasileira Braskem desenvolveu uma embalagem de plástico feita de cana-de-açúcar em vez de petróleo, que está a ser utilizada para sacos de compras e materiais de transporte flexíveis.

Outra empresa brasileira, a Tatil Design, recebeu repetidamente prémios por criar alternativas de embalagens sustentáveis ​​e ecologicamente corretas para empresas de dezenas de setores. Na Califórnia, a Cruz Foam desenvolveu uma alternativa de polistireno feita a partir de cascas de camarão.

Em todo o mundo, centenas de negócios, de startups a grandes empresas, começaram a sentir o impulso ecológico e comercial para criar embalagens mais sustentáveis ​​para o embarque. Mesmo na China, o maior mercado de comércio digital do mundo, a gigante do comértcio online Alibaba está a pressionar os comerciantes para terem 100% de caixas recicladas e veículos de transporte elétrico, como visto que a maior quantidade de resíduos produzidos pela indústria de comércio digital é de lá.


Como grandes e pequenos negócios podem utilizar embalagens amigas do ambiente.

Há uma grande diferença no impacto ambiental de um grande comerciante online, como o MercadoLibre ou Amazon, a uma pequena loja que envia apenas alguns (ou algumas centenas) pacotes por mês. Empresas de grande e pequena escala podem exigir abordagens diferentes para adotar embalagens ecológicas, principalmente devido a variáveis ​​como custo, volume de produção e variedade de produtos embarcados.

Aqui estão alguns dos desafios e oportunidades enfrentados pelas grandes e pequenas empresas que desejam adotar alternativas como embalagens mais sustentáveis.

  • Grandes Empresas
    Para uma empresa como a Amazon, o MercadoLibre ou a Alibaba, as dificuldades de adotar embalagens sustentáveis ​​são duas. Primeiro, estes sites são compostos por milhares de fornecedores espalhados pelo país (ou pelo mundo), todos os quais devem cumprir os mesmos regulamentos. Fazer uma troca de embalagem em massa pode ser um processo lento e doloroso. Em segundo lugar, como esses sites oferecem milhões de produtos, eles precisam encontrar um produtor que possa criar embalagens flexíveis para todos os produtos disponíveis no site para ser feito em escala.

    No entanto, o impacto ambiental da melhoria das embalagens para comerciantes gigantes é inegável. Estes três comerciantes de lojas online sozinhos superam todos os outros negócios da sua região em termos de resíduos de embalagens. Portanto, uma grande empresa pode simplificar sua transição para embalagens sustentáveis, estabelecendo parcerias com uma fábrica ou uma grande empresa que usa substitutos verdes para materiais tradicionais. Estes produtores são capazes de se adaptar às necessidades de uma operação em massa que envia milhares, ou até milhões, de produtos diferentes todos os dias.

  • Pequenas e médias empresas
    Uma empresa pequena de comértcio digital pode ser parecido com qualquer coisa, desde uma loja de artesanato individual – que vende alguns produtos por mês - até uma livraria independente que vende algumas centenas de produtos por mês. Mas a maior parte das empresas pequenas lidam com um conjunto muito menos variado de produtos, o que significa que podem depender de um único sistema de embalagem.

    Pequenas lojas de comértcio digital que procuram implementar embalagens verdes seriam ótimas para startups como a Limeloop ou a Repack, já que estas poderiam lidar com o volume de embalagens reutilizáveis ​​com mais facilidade. Como estas embalagens são menos flexíveis em tamanho, elas são mais adequadas a empresas que enviam apenas uma gama limitada de produtos.

    Embora um modelo de embalagem reutilizável possa exigir alguns custos iniciais, dependendo do fornecedor, estas opções tendem a um custo neutro - ou até mesmo mais económicas - para pequenas empresas a longo prazo. Elas também eliminam o desperdício de todos os tipos, uma meta que é quase impossível para qualquer grande empresa.


Três empresas famosas que utilizam embalagens amigas do ambiente

Felizmente, os dois maiores líderes de comértcio digital do mundo - Amazon e Alibaba - já começaram a implementar embalagens sustentáveis ​​para alguns dos seus produtos. Este movimento prova que os materiais de transporte ecológicos não são reservados apenas para comerciantes do nicho hippie; Empresas de comércio digital de qualquer tamanho podem reduzir o seu impacto ambiental melhorando suas embalagens.

Veja como três empresas bem conhecidas atualizaram suas embalagens para proteger o meio ambiente.

  1. Amazon: A Amazon estreou o seu “Programa de Embalagem Sem Frustrações” em 2008 como resposta à reação sobre produtos difíceis de abrir ou embalados em demasia. Mais de 750.000 produtos são agora enviados utilizando pacotes mais pequenos e mais eficientes, economizando 215.000 toneladas de material de embalagens. Sempre que possível, a Amazon também envia produtos na sua embalagem original ou num envelope para evitar o "envio de ar".

  2. Puma: A Puma tem sido líder de mercado na criação de embalagens menos prejudiciais para seus calçados. Em 2010, a empresa eliminou as caixas de sapato, substituindo-as por sacos que reduzem significativamente o uso de papel e combustível em comparação com as caixas tradicionais. Eles também redesenharam seus ganchos das sandálias para serem feitos de papel reciclado, em vez de plásticos à base de petróleo.

  3. Dell: A Dell começou a usar embalagens de bambu para pequenos dispositivos em 2008, mas deu um grande passo este ano ao assumir o compromisso de usar materiais de embalagem 100% combustáveis ​​ou recicláveis ​​até 2020. A empresa de computadores também é famosa por usar pacotes feitos de fungos e outros resíduos agrícolas, que ajudaram a empresa a reduzir o uso e os custos de energia.

É mais provável que 60% dos consumidores comprem a uma empresa que usa embalagens sustentáveis. Na China, o Alibaba descobriu que 70% dos entrevistados numa pesquisa estariam dispostos a pagar 10% a mais para receber seu produto em numa embalagem mais verde. À medida que o comércio digital cresce em todo o mundo, os consumidores também se tornam mais experientes e perspicazes, votando com seus dólares para empresas que apoiam as causas que os movem. As empresas de comércio digital devem começar a cuidar do meio ambiente se quiserem oferecer o melhor serviço possível à sua clientela em rápida evolução.